CIÊNCIA / TECNOLOGIA

Após ameaça de Obama, internet da Coreia do Norte sai do ar, diz empresa


Segurança protege entrada de sala de cinema nos EUA durante pré-estreia do filme 'A entrevista'.

A internet da Coreia do Norte saiu do ar nesta segunda-feira (22), três dias após o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prometer uma resposta do país ao ataque cibernético dos asiáticos à Sony Pictures. Na sexta, a FBI apontou o regime de Pyongyang como responsável por invadir os sistemas do estúdio de Hollywood, que resultou no vazamento de milhares de senhas e informações pessoais de funcionários e astros, além de conversas privadas entre executivos que causaram desconforto à empresa.

A interrupção da conexão à internet foi publicada pelo jornal “New York Times” e confirmadas pelo Dyn Research, empresa que monitora instabilidades na rede mundial de computadores. “Atualmente, todas as quatro redes da Coreia do Norte que normalmente se conectam à internet global estão fora de alcance”, afirmou James Cowie, cientista-chefe da Dyn, por e-mail.

Fonte: G1
Foto: REUTERS/Kevork Djansezian/Files

Postagens mais visitadas